InícioBlogEventosVídeosOs autoresContatoRecomendamos

terça-feira, 22 de março de 2011

Solteiros x Casados: quais são as diferenças na vida financeira?

Amigos,

Um texto da excelente psiquiatra Regina Navarro Lins (twitter @reginanavarro) aborda as implicações da escolha pelo casamento, e nesse texto, ela faz uma citação a um estudo francês que mostra as diferenças financeiras da vida de solteiro para a vida de casado.

O estudo citado por Regina Navarro mostra que:

- solteiros compram três vezes mais livros que os casados;
- solteiros vão duas vezes mais ao restaurante que os casados;
- solteiros vão nove vezes mais ao cinema que os casados;
- solteiros gastam dez vezes mais que casais em viagens de fim de semana e férias.

O que isto significa? Financeiramente falando, significa que a decisão de casar e constituir uma família, como tudo na vida, implica em PLANEJAMENTO, uma palavrinha que vai sempre permear nossos textos, porque ninguém fica independente financeiramente ou rico sem se planejar. E além de PLANEJAMENTO, significa fazer escolhas, afinal a escala de prioridades se altera substancialmente com a constituição de uma família.

A importância de ter consciência destas coisas é que, ainda que pareça óbvio, existe muita gente se frustrando em relação ao casamento, pela mudança do perfil do orçamento, que antes dava mais margem para o consumo de bens não essenciais, e também pelo fato de que os divórcios, segundo um estudo realizado por pesquisadores americanos, são a principal causa de dilapidação de patrimônios. Desta forma, sob todos os aspectos, inclusive o financeiro, o casamento é uma decisão que marca o resto da vida das pessoas.

A intenção deste artigo não é defender nem contestar a instituição chamada casamento, mas simplesmente auxiliar no entendimento das implicações FINANCEIRAS desta decisão, e contribuir para que quando tomada, esta decisão seja exitosa ao menos FINANCEIRAMENTE.

Até a próxima e um abraço a todos.